NU (Naked Universe)

IMG_7279 (1)

Criado em 2014 em São Paulo, o duo eletrônico pop experimental, NU (Naked Universe) congrega sons, ruídos, beats, melodias barrocas e elementos ritualísticos, além do jazz e da nova música brasileira, numa busca sonora atenta às questões urgentes do planeta e as lutas cotidianas, convocando forças, danças e consciências.

Formado pela cantora, compositora e musicóloga brasiliense, Ligiana Costa e pelo compositor e produtor musical paulistano, Edson Secco, o NU lançou seu primeiro álbum homônimo 2015, chamando a atenção da mídia especializada no Brasil e no exterior. Além de passagens por importantes festivais no Brasil, como Cena Contemporânea de Brasília, Contato em São Carlos (SP), Universo Paralelo na Bahia e Exploratório (Sesc Pinheiros, SP) o NU se apresentou nas icônicas salas de Nova Iorque, Nublu e Meridian 23 e fez uma turnê por 15 salas e festivais na Europa.

NU é também o sutil equilíbrio entre dois artífices musicais com carreiras consolidadas em diferentes campos artísticos. O multipremiado Edson Secco é um dos compositores de trilhas sonoras e sound designer de cinema mais requisitados do país e já trabalhou com diretores como Walter Salles, Gerald Thomas, Petra Costa e Eryk Rocha. A pós-doutora e pesquisadora em ópera premiada internacionalmente Ligiana Costa é cantora de formação barroca com dois discos solo lançados e shows ao lado de nomes como Gilberto Gil, Letieres Leite, Naná Vasconcelos e Karina Buhr.

Em seu recém lançado segundo álbum, ATLÂNTICA (maio 2019) o duo foi buscar inspiração na natureza. Em sete dias de isolamento na Mata Atlântica, Ligiana e Edson impuseram a si mesmos a criação de uma música por dia: “Cada novo dia como o primeiro, e cada nova canção como o nascimento de um novo mundo”. Duas das sete faixas do álbum trazem participações muito especiais: “Kyrie” com a cantora e compositora paulistana Luiza Lian e o beatmaker carioca Nansy Silvvs (conhecido pela colaboração com Baco Exu do Blues) e “Cancion de Amor” com vocais do cantor, performer e produtor mineiro, São Yantó. O disco tem mixagem de Iuri Rio Branco e CESRV e foi masterizado pelo renomado produtor brasileiro radicado nos Estados Unidos, Felipe Tichauer, vencedor do Grammy Latino com o álbum “Mi reflejo” de Christina Aguilera.

Ao vivo, NU é responsável por um impactante espetáculo multisensorial que recebe projeções de vídeo e contornos visuais do renomado artista VJ Micra aka Caio Fazolin, reforçando a vocação cinematográfica, performática e contemporânea da posta em cena. Para a turnê de ATLÂNTICA o duo investe na interação entre vídeo, cenografia, luz, figurino e performance, com uma forte presença tecnológica que funciona como um cristalizador do som: a frequência sonora e a poesia tomam forma; cenário e vídeo se fundem em uma experiência imersiva que reforça a poética e o ativismo espiritual do Naked Universe.

 

Experimental electronic pop duo NU (Naked Universe) came together in São Paulo in 2014. With a sharp political and artistic agenda, attentive to the changes and struggles in both our personal lives and our home planet, the duo mix baroque melodies and ritualistic beats, together with jazz and contemporary Brazilian music.

Formed by Brazilian singer-songwriter and musicologist, Ligiana Costa and the São Paulo composer and music producer, Edson Secco, NU released their first self-titled album in 2015, catching the attention of the specialized media in Brazil and abroad. As well as important festivals in Brazil, such as Cena Contemporânea in Brasília, Contato in São Carlos (SP), Universo Paralelo in Bahia and Exploratório (Sesc Pinheiros, SP), they also performed at Nublu and Meridian 23 (New York) as well as various venues and festivals throughout Europe.

NU is the subtle balance between two musical artisans with established careers in different artistic fields. The award-winning Edson Secco is one of the most sought-after film soundtrack composers and sound designers in the country and has worked with directors such as Walter Salles, Gerald Thomas, Petra Costa and Eryk Rocha. Internationally awarded postdoctoral researcher and opera researcher Ligiana Costa is a Baroque singer with two solo albums released. She has performed alongside names such as Gilberto Gil, Letieres Leite, Naná Vasconcelos and Karina Buhr.

On their recently released second album, ATLÂNTICA (May 2019) the duo sought inspiration from nature. Over seven days isolated in the Atlantic forest along the coast of Brazil, Ligiana and Edson imposed upon themselves the creation of one song a day: “Each new day as the first, and each new song as the birth of a new world.” Two of the album’s seven tracks feature very special guest appearances: “Kyrie” with São Paulo singer-songwriter Luiza Lian and Rio’s beatmaker Nansy Silvvs (known for collaborating with Baco Exu do Blues) and “Cancion de Amor” with vocals from Minas Gerais singer/producer, São Yantó. The album was mixed by Iuri Rio Branco and CESRV and was mastered by the renowned US-based Brazilian producer, Felipe Tichauer, winner of the Latin Grammy with Christina Aguilera’s album “Mi reflejo”.

Live, the NU experience is an impactful multi-sensory show with video projections and visual contours from renowned artist VJ Micra aka Caio Fazolin, reinforcing the cinematic, performative and contemporary feeling of the set. For the ATLÂNTICA tour, the duo invests in the interaction between video, set design, light, costume and performance, with a strong technological presence: sound and poetry take shape; the scenario and video merge into an immersive experience that reinforces the poetic and spiritual activism of Naked Universe.